sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Ilustras antigas

Estou postando umas ilustras antigas por fins de backup.

Acho que os compridinhos foram o meu primeiro contato com papel opaline. No colégio que eu estudava estavam distribuindo uns panfletos para divulgar a 8ª edição de Mostra de Arte acho, e bem, esses são o verso desses flyers. Eu tava no 2º ano do 2º grau, hehe, nem tinha idéia do que ia fazer da vida nessa época. Por isso o pégasus e o bichinho estão no mesmo formato de papel. Também tava com umas canetas de ponta fina que não me acostumei nunca, estourava a ponta com qualquer forcinha a mais, mas eram especiasi, porque eu tinha trazido do Japão, e a lembrança me fazia acreditar que eu podia tudo. Na verdade, acreditava sem dúvida que ia ser quadrinhista na Weekly Shonen Jump, trabalhando em Tóquio, junto com pessoas como Oda Eiichiro.


Já esse é da época da facul, tava no 3º ou 4º ano e só está iniciado. Lembro que uma amiga falou que meu traço melhorou nesse desenho e fiquei meio indignada, porque ao meu ver, meu traço só estava piorando, pois estava em pleno bloqueio nessa época. Teoricamente, isso era apenas uma extensão do que eu já sabia fazer.





Esse acho que foi uma dessas típicas salas de espera de consultório médico que rendeu, Acho que a maioria dos médicos não aprenderam a respeitar a vida das pessoas, porque é muito comum esperar 1 hora para mais nos mais variados consultórios... (e muitas vezes justo aquele médico/a que é o mais atencioso, carismático que você quer que te atenda)
Um bloco de desenho é ótima pedida. Algumas pessoas já falaram que esse desenho é muito bizarro ou nojento, então não dei continuidade, apesar de ser um tema recorrento nos meus desenhos.







E acho que esse foi iniciado em alguma reunião de sprint ou hora do almoço, haha. Hummm, pensando bem, foi num desses black-outs.

Um comentário:

Koppe disse...

Adorei o topo do seu blog. Muito fofo. Bjão